Em “Nascimento da Biopolítica”, Michel Foucault caracteriza o neoliberalismo como uma racionalidade ou técnica de governo, que ultrapassa os procedimentos de disciplinarização, orientada a induzir processos de regulação das condutas individuais, assim como das relações de mercado. O conjunto de técnicas e saberes que o autor chamou de governamentalidade neoliberal tem propiciado a intensificação de tecnologias e instrumentos de vigilância voltados ao monitoramento e à regulação de diversos aspectos da vida social contemporânea, instrumentalizando áreas como segurança pública e internacional, sistema penal, sistemas de ensino, ambiente de trabalho, dentre outros. Assim, as novas técnicas de governo teriam um papel estratégico nas relações sociais e políticas, produzindo formas complexas de regulação e conformando novas subjetividades. Nesse semestre, exploraremos a relação entre governamentalidade, vigilância, monitoramentos e as novas tecnologias, buscando destacar os efeitos controversos desses procedimentos, principalmente no ambiente urbano.   

Link para obtenção dos textos:

https://drive.google.com/open?id=0BxIeS2RQBrdpQVBjbnVfSmZ0S2M

Guerra e paz são temas clássicos do pensamento social. Nessa oficina de pesquisa serão estudadas e debatidas suas modulações contemporâneas, em particular no que se referem à atual conformação das agências estatais, dos dispositivos legais e do espaço urbano. A programação completa e os textos indicados para leitura estão disponíveis no link indicado. 

Link para acervo bibliográfico e programação completa: 
https://drive.google.com/drive/folders/0B7L9ML06V1riYWRydzZGUkxwdXM?usp=sharing